Rua 5, Lote 3, Albany Medical Center, Sala 414, Águas Claras Norte (DF)

Prótese

É a área da Odontologia destinada à reconstrução e reposição de elementos dentários danificados ou perdidos, que devolve ao paciente as características e funções mastigatórias, estéticas e fonéticas, além de recompor e proteger funções articulares.

A perda de um ou mais dentes, além de desagradável, pode prejudicar a mastigação, a fonética e a estética do paciente.

A ausência dos dentes também pode acarretar a movimentação dos dentes remanescentes e a reabsorção óssea, entre outros problemas.

Para esses casos, é necessária a adoção de próteses dentárias, uma solução bastante comum. Porém, as pessoas ainda têm muitas dúvidas, em especial, na hora de escolher sobre os tipos de próteses e sobre quais as vantagens e desvantagens que cada uma proporciona.

Conheça os tipos de próteses:

A prótese total, mais conhecida como “dentadura” é aquela utilizada para os casos em que o paciente perdeu todos ou a maior parte dos dentes. Nestes casos, é confeccionada uma estrutura móvel em que os dentes são substituídos por dentes de acrílico, conforme o formato, a cor e o tamanho dos dentes naturais do paciente.

Em matéria de benefícios, esse tipo de prótese costuma ser de fácil instalação. No quesito higienização esse tipo de prótese demanda cuidados especiais.

Quando o paciente conta com um bom número de dentes remanescentes, recomenda-se a adoção de uma prótese parcial removível. Neste tipo de prótese não é necessário a extração ou o desgaste dos dentes remanescentes, além de contar com uma fácil manutenção.
Sua instalação é feita a base de conectores, grampos e selas que garantem a segurança fazendo com que a prótese não caia com a movimentação natural da boca.

Popularmente conhecida como “coroa” ou “ponte” esse tipo de prótese pode ser unitária quando um dente, por exemplo, é destruído pelo agravamento de uma cárie. Nos casos, onde a coroa do dente é inutilizada, o dentista deve realizar o tratamento de canal para depois cimentar a prótese unitária.

Nos casos em que o dente já passou por diversas restaurações não é necessário o tratamento de canal, apenas o desgaste do dente para que seja feita uma coroa nova com um material cerâmico.

Esse tipo de prótese surgiu como uma alternativa às tradicionais próteses removíveis. Como uma resina flexível, não existe mais a necessidade de grampos e estruturas necessárias às próteses tradicionais. Em geral, esse tipo de prótese é recomendada para pacientes idosos para fazerem o papel de uma prótese provisória em casos de reabilitação.

Agende Sua Consulta

!
!
Style switcher

Choose color style